Frases da noite de abertura | Frases, Mensagens e Legendas

Apesar desses contratempos, o sonho de uma bela orquestra americana continua, e compartilho a fé do Dr. King de que a cada ano nos aproximamos inexoravelmente de uma magnífica noite de abertura.

[Para os atores na noite de estreia:] Vocês tiveram um bom equipamento para trabalhar. Você teve um teatro com tudo o que precisava e está envolvido na peça; mas durante todo o tempo você foi deficiente. Uma coisa essencial foi negada a você. Esta noite o público está lá; agora eles estão sentados na frente; você tem tudo que precisa.

Noite de abertura: na noite anterior à estreia da peça.

Ele [Charlie Chaplin] estava sempre tocando como se fosse para a câmera, se você viu as fotos dele ao vivo quando ele estava indo para uma noite de estreia ou algo assim. E as habilidades que ele tinha estavam além da minha capacidade de reunir. Você simplesmente não conseguia competir com ele. Ele era muito atlético nisso.

A estreia de uma nova ópera é provavelmente uma das coisas mais difíceis de fazer no mundo, e as noites de estreia de qualquer ópera são sempre muito estressantes.

A vida não é um ensaio geral: todo dia é noite de estreia.

Algo que tinha a qualidade de um palco mal iluminado montado pouco antes das cortinas subirem na noite de estreia. Havia um ritmo, um apelo e uma lágrima agridoce no tempo.

O teatro tem tudo a ver com o processo de ensaio. Na verdade, acho que muitas vezes na noite de estreia há uma tristeza mista porque você termina a parte favorita do processo de muitas pessoas, que é encontrar o personagem e descobri-lo, e então você pode vivê-lo.

Eu trabalho pela perfeição, pela perfeição. Não me importa quais sejam as razões externas. E é muito mais parecido com uma bailarina na noite de estreia. Você fez o que tinha que fazer. Quando você sai, o objetivo é fazer uma curva perfeita. Você não está pensando no futuro da empresa, não está pensando no seu futuro, não está pensando nos críticos, é você e a virada perfeita.

Então ele estava na noite de estreia… Eu estava desempregado e estive em todos os produtores de Hollywood tentando conseguir um emprego como cantor. Mas ninguém queria me conhecer.

Estou reservando dois ingressos para você para minha estreia. Venha e traga um amigo – se você tiver um. Telegrama convidando Winston Churchill para a noite de estreia de Pigmalião. Churchill respondeu: Impossível estar presente na primeira apresentação. Participará do segundo – se houver.

Lembro-me de quando estava fazendo The Crucible na Broadway com Laura Linney, e Arthur Miller estava ensaiando conosco e estava no palco na noite de estreia. Ela se virou para mim durante a chamada ao palco e disse: Vamos nos lembrar disso.

[John] Cassavetes, “Assassinato de um Booker Chinês

Noite de Abertura” são meus favoritos.

O gosto de cada pessoa é diferente. Mas acho que a melhor maneira de se defender contra arrependimentos após a noite de estreia é tentar o seu melhor para contar a história que deseja contar. Em termos de pequenas mudanças ao longo do tempo, acho que boas peças são como poemas. Cada sílaba conta.

Vou lhe dizer que somos todos seres humanos e todos nos importamos com o que as pessoas pensam de nós. Mas, em geral, a perspectiva deles é: “Não estamos pensando nos números das noites de estreia. Não estamos pensando nas bilheterias das noites de estreia. Queremos que isso seja parte do motivo pelo qual você vem ao nosso serviço.”

Mas você certamente não tem perspectiva. E há muita pressão naquela noite de estreia porque você sabe que há jornalistas, toneladas de pessoas que fazem aquisições, e o destino do seu filme, de certa forma, se não for decidido, é realmente afetado pela forma como ele será exibido naquela noite.

Como ator, você está sempre a serviço da visão de outra pessoa. Em uma peça, é mais a visão do diretor, e ele ou ela coloca as mãos em você até a noite de estreia, e se for um filme, há ainda mais gente.

As primeiras lembranças que tenho da minha infância são da minha mãe se preparando para subir no palco. Eu devia ter cerca de cinco anos e assistia-a vomitar nos bastidores na noite de estreia, e no minuto seguinte ela se tornou Isabella, a Rainha da Espanha. Na época, lembro-me de ter pensado: ‘Que tipo de trabalho esquizofrênico é esse?’ Agora tudo faz sentido.

Houve dois [destaques da carreira]. Acordei em Nova York e soube que havia sido indicado ao prêmio Tony de Melhor Ator na Broadway, por An Ideal Husband. O outro estava acordando na manhã seguinte à noite de estreia de A Man For All Seasons e lendo as resenhas.

A única vez que tenho um bom palpite de que o público estará presente é quando eu fizer a sequência de ‘Jurassic Park’ ou fizer outro filme de Indiana Jones. Sei que tenho boas chances de conseguir público na noite de estreia. Todo o resto que está avançando em novos territórios é uma merda.

Eu tinha dezessete anos e era a estrela da minha peça no ensino médio. Eu deveria beijar meu protagonista, mas não suportava o cara. Eu realmente não queria beijá-lo. Durante todos os ensaios, recusei-me a beijá-lo. Então meu professor de teatro me disse: “Se você não beijá-lo na noite de estreia, você será reprovado na aula de teatro. Então eu o beijei, e esse foi meu primeiro beijo.”

Fui ver ‘Listen to My Heart: The Songs of David Friedman’. Sou fã da música dele há anos e fui convidado para a noite de estreia porque conheço um dos produtores.

No meu primeiro ano, eu estava participando de uma peça na escola e, cinco dias antes da noite de estreia, ainda não sabia minhas falas. A noite de estreia foi um desastre. Eu estava tão envergonhado. O diretor me fez trabalhar nos bastidores pelo resto da apresentação.

O público da noite de estreia é formado principalmente por amigos do elenco e apoiadores do show, e eles vêm aplaudir seu dinheiro.

Como tenho aversão a filmes em que as pessoas dão graças à mesa de jantar (não à prática, mas à forma como os filmes a usam para estabelecer a força moral de uma família), a montagem da noite de abertura do jantar de domingo à noite em uma casa após a outra em Waxahachie, Texas, em 1935 – uma comunidade inteira dando graças me fez esperar o pior.

Frases da Noite de Abertura – Parte 2

Eu não queria correr atrás de filmes. É tão difícil. Você tem que trabalhar nisso – noites de abertura, sessões de fotos, pessoal de publicidade, gerentes. Eu nunca quis fazer isso. Estou com preguiça.

Adoro fazer filmes porque é como fazer uma colheita como agricultor. Tenho uma ideia, consigo o financiamento, escrevo o roteiro e depois faço o elenco, filmo e edito. Depois vem a noite de estreia e depois disso tenho outra ideia.

As pessoas que vão a festivais para assistir filmes geralmente ficam um pouco mais ansiosas para apreciá-los. É emocionante porque é como se você fosse à noite de estreia do filme em todos os festivais.

Claro que acontece na noite de estreia, mas nunca tive aquele medo devastador do palco que algumas pessoas têm, mas aparentemente você pode desenvolvê-lo.

Eu estava realmente ansioso para fazer o que faço – basicamente apareço apenas no início e no final da peça ‘A Glória do Mundo’ – mas quando cheguei à noite de estreia, comecei a ficar muito triste que essa fosse a última vez que eu veria a peça como espectador, sem realmente estar nela.

Se Lady Gaga e Dorothy Parker tivessem um filho secreto, seria Gypsy Rose Lee. Gypsy chegou para as noites de estreia no Met vestindo uma capa longa feita inteiramente de orquídeas, enquanto Lady Gaga apareceu vestindo uma capa longa feita de carne.

O cinema é minha paixão. Eu não tinha dinheiro, depois do Human Zoo. Eu estava completamente falido. Foi horrível. Meu filme estava em Berlim na noite de estreia, mas não consegui nem chegar a Berlim.

Por que não dizer isso? Estou saindo do meu casulo. Foi tudo muito bom no passado – nunca derrubou ninguém. Mas no ano passado… na minha primeira noite de estreia no Met – olhei para fora e ouvi todos aqueles aplausos… por mim… E adorei.

Meu momento de maior orgulho na minha carreira foi a noite de estreia em Cambridge e ver o elenco subir ao palco. Ninguém estava olhando para mim e eu estava flutuando no chão. Foi simplesmente eufórico.