O que é Plicoma Hemorroidário? Confira isto | plicoma hemorroidário

O plicoma anal nada mais é do que uma espécie de protuberância ou excesso de pele localizada na parte externa do ânus. É um problema pouco conhecido e, muitas vezes, é confundido com as hemorroidas por quem não conhece a diferença entre ambos.

Como acabar com Plicoma?

A cirurgia de remoção do plicoma anal com o laser de CO2 será bastante simples. O procedimento é realizado em consultório com anestesia local. O médico utiliza o laser para eliminar o plicoma cortando o tecido excessivo de forma rápida e exata. Dependendo de cada caso poderá ou não ser necessário dar pontos no local.

O que causa Plicoma retal?

O plicoma ocorre porque a pele da margem anal se distende e perde a elasticidade e não regride. Geralmente é um tecido flácido e indolor, porém pacientes que têm fissura anal crônica ou crises de fissura anal recorrentes, também podem ter plicoma.

É normal ter Plicoma?

Sim, o plicoma é benigno, geralmente aparece durante um quadro de fissura ou secundário a doença hemorroidária. Quanto ao aumento, pode aumentar sim, se tiver presente fissura ou hemorróidas associadas, ou até mesmo permanecer igual por muitos anos, se o aparecimento se deu após uma gravidez ou trombose hemorroidária.

Qual a diferença entre Plicoma e hemorroidas?

Bem, um plicoma anal nada mais é que uma prega de pele que se forma ao lado do ânus. Portanto, é apenas um excesso de pele que se eleva, enquanto uma hemorroida externa é uma elevação de pele, repleta de vasos de sangue por baixo, com consistência mais esponjosa.

Porque o Plicoma incha?

O plicoma muitas vezes está associado a uma fissura anal. Quando há trauma na região, pode ocorrer um inchaço e inflamação do plicoma, que fica dolorido. Nesse caso a cirurgia deveria tratar também a fissura anal.

Como tirar excesso de pele do ânus?

O tratamento nem sempre é necessário, mas caso o plicoma seja muito grande, pode ser necessário remover o excesso de pele através de laser, cirurgia ou crioterapia.

O que causa pele no ânus?

Normalmente, isso acontece quando a região anal sofre com uma inflamação no local (seja ela causada por fissura anal, hemorroidas, pós-operatórios na região ou outras doenças anais) e após essa inflamação e cicatrização, o local desincha e a pele não volta ao normal, o ânus fica com uma saliência, excesso ou sobra de

Tem pomada para Plicoma inflamado?

O tratamento tópico com pomada pode ajudar no alívio do desconforto caso o plicoma esteja inflamado / inchado. Por se tratar de um excesso de pele, o tratamento definitivo seria a cirurgia.

Como saber se estou com Plicoma?

Também são conhecidos como a “pelinha” solta na região do ânus. Na verdade os plicomas são saliências de pele na região perianal, que podem estar associados ou não a hemorroidas. Geralmente causam prurido, eventualmente sangramentos. O mais importante é que hemorroida não apresenta relação com câncer.

Como reconstruir o ânus?

A esfincteroplastia é a cirurgia de reparo de algum defeito ou lesão no esfíncter anal, que pode ter sido causada por parto, trauma ou cirurgia prévia, por exemplo. É uma cirurgia realizada em pessoas que apresentam incontinência fecal (dificuldade de segurar as fezes).